Nossa História

A Automind foi fundada em 1987 no conceito de uma "control system house".

De 1987 a 1989, desenvolveu trabalhos de Consultoria, Estudos Econômicos e Planos Diretores de Automação Industrial.

Em 1990, desenvolveu seu primeiro sistema de automação para a Planta de Desmineralização de água da COPENE (atual BRASKEM) e iniciou a representação da STONER (softwares para detecção de vazamentos em dutos, software para simulação de dutos e softwares para dimensionamento de redes de gás, água e energia elétrica).

Em 1991, complementou o sistema de desmineralização de água com o sistema de tratamento de água e desenvolveu o sistema de tancagem também para a COPENE.

Em 1992, ganhou o seu primeiro sistema na PETROBRAS – Sistema de Automação da UPGN de Candeias.

Em 1994, realizou seu primeiro sistema SCADA para dutos (Etenoduto Camaçari - Maceió, um dos primeiros do Brasil), seu primeiro sistema Turn-key completo de automação (Elevatórias, ETE e Emissário Submarino da CETREL) incluindo projeto, automação, sistema de rádio de comunicação, montagem de campo, assim como instrumentação, interface com o sistema elétrico e a venda do primeiro pacote de software da STONER para a COMGAS.

Em 1998, entrou para o segmento de saneamento desenvolvendo o Projeto Básico do Sistema de Distribuição de Água para a Região Metropolitana de Salvador, o Sistema de Automação da Estação de Tratamento de Esgotos e Emissário Submarino de Salvador e o Sistema de Automação das Elevatórias de Esgoto da Orla de Salvador, todos eles para a EMBASA. Neste ano, também desenvolveu o projeto de controle e monitoramento do abastecimento de locomotivas da FEPASA, que foi a base para o desenvolvimento do Software AUTOLOAD, futuro produto da Automind voltado para a automação do carregamento de caminhões-tanque.

Em 1999, desenvolveu o projeto para o sistema piloto de automação de poços de petróleo dos campos na região de Entre Rios e Estações de Produção de Fazenda Bálsamo. Este projeto constituiu-se num marco para que a PETROBRAS iniciasse o processo de automação de poços, não só na Bahia, quanto nas outras regiões de produção. A partir deste empreendimento, a Automind realizou a automação de aproximadamente 700 poços na Região de Produção da Bahia.

Em 2001, a Automind realizou seu primeiro empreendimento de automação de base de carregamento de caminhões, no contexto do projeto de automação do offsite da UPGN de Pilar, em Alagoas.

Em 2002, a AUTOMIND realizou o seu primeiro empreendimento, em regime de Turn-key, o Sistema SCADA de distribuição de gás natural da BAHIAGAS.

Em 2004, iniciou seu primeiro grande projeto offshore (medição fiscal das plataformas do campo de Marlim) e, conseqüentemente, abriu e iniciou a operação de seu escritório de Macaé.

Em 2005, iniciou o projeto de automação do Terminal de carregamento de caminhões-tanque da BR DISTRIBUIDORA (TEMAT), em Mataripe-BA e desenvolveu o software AUTOLOAD cuja base havia surgido no Projeto da FEPASA.

Ao longo de 2006, desenvolveu, através de vários contratos, o sistema de automação do projeto Manati (Plataforma de produção de gás natural offshore e planta de tratamento de gás natural onshore).

Em 2007, a Automind ingressou no Master Vendor List Offshore e no Master Vendor List Onshore da PETROBRAS. Também em 2007, a Automind foi certificada pela Norma ISO 9001-2000 e assinou o Termo de Adesão ao Programa PAEX Parceiros para a Excelência da FDC – Fundação Dom Cabral.

Em 2009, a Automind ganhou vários projetos do PLANGAS (projetos ligados ao fornecimento de gás que faz parte do PAC).

Em 2009, criou a Diretoria de Tecnologia e iniciou a representação da PAS, empresa Norte Americana que possui software para gerenciamento de desempenho e otimização de malhas de controle, gerenciamento de alarmes e gerenciamento de configuração de ativos de automação. Também nesse ano, a Automind iniciou seu primeiro projeto de grande porte na área de refino da PETROBRAS, consistindo da integração de unidades pacotes e redes Fieldbus Foundation ao SSC da REPAR.

Logo no inicio de 2010, ampliou seu escritório do Rio de Janeiro, tornando-o também em um escritório operacional. No segundo semestre do ano, a empresa tomou a decisão de colocar a inovação no centro da sua estratégia e iniciou a estruturação do seu Programa de Inovação AUTOMIND – PIA, marco do seu reposicionamento estratégico. Também em 2010, a Automind foi recertificada pela Norma ISO 9001-2008.

No início de 2011, criou a Diretoria de Inovação como consequência direta do seu Programa de Inovação, definindo Eixos Prioritários e criando um Comitê e um Grupo de Inovação. No segundo semestre, passou por um processo de renovação de identidade visual refletindo sua nova visão, missão e valores de uma empresa moderna e inovadora.